Notícias


Canarinho estreia com vitória no Gauchão 2020

Equipe valoriza mando de campo, pressiona o adversário e estreia com o pé direito no retorno a elite do futebol gaúcho

Vitória

Com um gol do zagueiro Saimon, aos 27 minutos do segundo tempo, o Canarinho começou o Gauchão 2020 vencendo o São Luiz no Colosso da Lagoa, em Erechim.

Escalado pelo técnico Paulo Henrique Marques, o Ypiranga entrou em campo com: 1 Deivity, 2 Muriel, 3 Saimon, 4 Diogo Silva, 5 Fidelis (C), 6 Ávila, 7 Jean Silva, 8 Clayton, 9 Neto (16′ 2T |  Fernandinho), 10 Zotti (22′ 2T | Pedrinho) e 11 Leilson (40′ 2T | Schwarzer). Os suplentes foram: 12 Carlão, 13 Falcão, 14 Henrique, 15 Kanu, 16 Neuton, 17 Schwarzer (40′ 2T | Leilson), 18 Tsumita, 19 Feijão, 20 Pedrinho (22′ 2T | Zotti), 21 Fernandinho (16′ 2T | Neto) e 23 Marcinho.

1 Reynaldo, 2 Itaqui, 3 João Marcus, 4 Jadson, 5 João Paulo (39′ 2T | Mateus), 6 Samuel Balbino, 7 Lucas Carvalho (33′ 2T | Ariel), 8 Rafael Carilho (19′ 2T | Tássio), 9 Michel (C), 10 Jean Carlo e 11 Everton Junior, foram os titulares escalados pelo técnico Leandro Machado. 12 Lúcio, 13 Vavá, 14 Ramon Baiano, 15 Silvio, 16 Erwin, 17 Tássio (19′ 2T | Rafael Carilho), 18 Fernando, 19 Mateus (39′ 2T | João Paulo), Totô e 20 Ariel (33′ 2T | Lucas Carvalho), foram os suplentes do São Luiz.

O adversário começou a partida criando oportunidades, aos 9 minutos Itaqui finalizou de fora da área para ótima defesa do goleiro Deivity. O Canarinho seguiu a partida criando espaços e tomando posse ofensiva, criando boas oportunidades com Jean Silva e Zotti. Aos 25 minutos, em cobrança de falta, o camisa 10 finalizou no canto direito da meta adversária e quase marcou. Ávila foi derrubado dentro da área, aos 32 minutos e o árbitro assinalou o pênalti. Neto cobrou para a defesa do goleiro Reynaldo. O árbitro Jean Pierre Gonçalves Lima, acrescentou 2 minutos na primeira etapa, que encerrou empatada e sem gols.

O Canarinho voltou sem alterações para a segunda etapa e manteve um recomeço consistente. Com a entrada de Fernandinho e Pedrinho, a equipe foi ao ataque e pressionou. Aos 24 minutos, Jean Silva alçou na área e a bola sobrou para Fernandinho no canto direito, que finalizou curvado rente a meta adversária. O gol veio aos 27, após cobrança de escanteio de Ávila, Saimon subiu e marcou de cabeça, abrindo o placar. Fernandinho foi advertido aos 29 por falta no adversário e aos 31 o técnico Paulo Henrique Marques também recebeu cartão amarelo. Aos 41 minutos, o adversário falhou e quase marcou contra. Antes do fim da partida, o capitão Fidelis foi advertido. Após 3 minutos de acréscimos a partida encerrou com vitória do Canarinho, no Colosso da Lagoa, pelo placar mínimo.

Na próxima rodada, o Ypiranga vai a Novo Hamburgo enfrentar a equipe da cidade no Estádio do Vale. A bola rola as 17 horas.

Foto: Ilair Tumelero | Agencia Giramundo